4.8.10

"Onde reside o Amor", de Margarida Rebelo Pinto

"É claro que não aparece sob um golpe de magia; nenhuma varinha de condão o consegue materializar; ele vai-se fabricando aos nossos olhos, construindo dia após dia a imagem da pessoa que sonhámos ver ao nosso lado.

A pessoa certa não é a mais brilhante e eloquente, a que nos escreve as mais belas cartas de amor, a que nos jura a paixão mais avassaladora ou nos diz que nunca se sentiu assim. Nem a que vem viver connosco ao fim de três semana e planeia viagens idílicas a ilhas secretas perdidas no Pacífico.

A pessoa certa é aquela para quem nós também somos a pessoa certa. Tão simples quanto isto. Às vezes demasiado simples para as pessoas perceberem.

O que transforma um homem vulgar no nosso príncipe é ele querer ser o homem da nossa vida. E há alguns que ainda querem. (...)

O príncipe encantado é o homem que nos tapa os ombros com o lençol a meio da noite quando temos frio e se levanta às três da manhã para nos fazer um chã de limão quando ficamos doentes.É aquela pessoa que tem sempre tempo para os nossos problemas. Não é o que diz «amo-te» 20 vezes ao dia, mas o que sente que nos quer amar ao longo dos próximos 20 anos. É alguém que olha todos os dias para nós, mas que também olha por nós todos os dias. (...) É um príncipe que governa um reino, porque sabe dar e partilhar, porque ajuda, apoia e nos faz sentir que somos mesmo importantes. (...)

É só preciso deixá-lo ficar um dia atrás do outro...e se for mesmo ele, fica. De pedra e cal, para a vida, dê por onde der, aconteça o que acontecer."

26 comentários:

  1. mudei novamente o blog!
    Mas não está como quero :x

    ResponderEliminar
  2. A escrita da Margarida deixa sempre, qualquer um, a reflectir. É muito cativante.
    E eu concordo sempre, ou quase sempre, com o que ela diz.
    Ainda há príncipes encantados, poucos mas há. E quem tiver um, que o agarre bem!

    ResponderEliminar
  3. é? não é? eu sei, infelizmente, o que escrevo! e nós devemos ter sempre cuidado com quem nos dámos e perdoámos . e tu também tens de abrir bem os olhos minha linda (:

    ResponderEliminar
  4. em todas as regras existem sempre excepções (:

    ResponderEliminar
  5. é por estas e por outras que eu adoro margarida rebelo pinto

    ResponderEliminar
  6. e ainda bem querida :)
    gostei muito deste post *.* Margarida Rebelo Pinto (L)

    ResponderEliminar
  7. adoro, adoro! a minha margarida é linda linda!

    ResponderEliminar
  8. Tenho um selinho para ti no meu blog :)

    ResponderEliminar
  9. Eu já encontrei o meu. Não gosto de ser muito futurista, mas no que toca ao amor, é quase impossível não o ser.
    E cada uma irá encontrar o seu :)

    ResponderEliminar
  10. Eu não te respondi porque não tinha nada mais a acrescentar e arrependi-me de já te ter dito aquilo, mesmo!
    Pela tua resposta não percebeste a ideia do que te disse: não quero saber nem mandar nas tuas decisões. disse apenas para teres cuidado e não te entregares demais. foi um conselho de preocupação, sim?

    E o texto não tem NADA de NADA a ver contigo. Fala de uma relação entre rapaz de uma rapariga . o quê que tu tens a ver com jogadas e dados?

    ResponderEliminar
  11. o texto foi uma simples coincidência.
    eu falo do que vi.. tb falo com a rapariga e não lhe enfeito as frases com <3 e estrelinhas. passa uma imagem errada, só isso. mas pronto, não é nada!

    ResponderEliminar

cada pessoa tem a sua opinião, dá a tua.