29.7.11

Bad day*

Esgotada de todos os pesadelos daquela noite, o meu coração estava ofegante como nunca. Onde as memórias mais profundas e dolorosas apareceram. Revivi momentos com pessoas que durante vário tempo tentava esquecer porque me impedia de prosseguir com a minha vida. Algo estranho acontecera, tudo o que vivera naqueles longos minutos não se apagaram quando acordei. Lembro-me de tudo o que aconteceu, o que disse, o que fiz, o que me disseram, o que me fizeram. Estranho, normalmente não consigo lembrar-me de quase nada do que sonho.
Tinha um pressentimento, algo ia acontecer. Talvez mais um pressentimento sem sentido, como tenho nos outros dias onde não se pode dizer que tenha "uma bela noite de sono".
Levantei-me da cama, vesti-me nem em 5 minutos, o que há vário tempo não acontecia. Hoje, ao contrário dos outros dias, estou sem tempo nem paciência para essas futilidades, onde nos tentamos embelezar e tentamos mostrar aos outros que somos o mínimo bonitas. No caminho da universidade, escondida nos meus óculos de sol e enfeitiçada pela música que ouvia, sentia-me sem forças.

Tumblr_lo125hlejy1qhq59bo1_500_large

Nunca fui pessoa de desistir dos meus objectivos, mas cansei-me de os tentar alcançar quando eles teimavam em nunca se encaminharem até mim.
Imaginação do momento.

22 comentários:

  1. Gostei deste post, mas espero que o que foi colocado nele não seja o que sentes neste momento!
    Mas se for o que sentes neste momento, acredita que isto são dias sem excepção e que amanhã as forças viram para agarrares as rédeas do teu cavalo e continuares a batalha!
    Continua escrever textos tão bonitos e bem escritos como este!!!

    ResponderEliminar
  2. melhores dias virão querida! força! :)

    ResponderEliminar
  3. Revejo-me tão bem nas tuas palavras...

    IMENSA força!

    ResponderEliminar
  4. ñ tens que agradecer, ora essa ;)
    gostei muito do teu texto *.*

    ResponderEliminar
  5. exactamente, canta de uma maneira completamente diferente!

    ResponderEliminar
  6. Pois, também pensei nisso mas, decidi arriscar (:

    ResponderEliminar
  7. eu ainda fiquei na dúvida se era "a serio", mas pronto xD e sim, tens toda a razão! :b

    ResponderEliminar
  8. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  9. Tao sincero, humilde e natural. Dizes coisas que me fazem padecer, e fazer-me reler alguns dos teus textos vezes sem conta.
    A maneira como escreves não é nenhum talento. Mas a maneira como usas a escrita é.

    Sigo, claro.
    beijinho

    ResponderEliminar

cada pessoa tem a sua opinião, dá a tua.